PERGUNTAS FREQUENTES

Quais são as etapas da implementação do Sistema Manchester de Classificação de Risco?
 
Para a implementação do Sistema Manchester de Classificação de Risco nos pontos de atenção à saúde, o GBCR recomenda as etapas abaixo visando uma implantação segura do Sistema Manchester de Classificação de Risco:
 
1ª Etapa: Sensibilização e Capacitação do Sistema Manchester de Classificação de Risco: Turma de Classificador (Presencial ou Ensino à Distância); 
2ª Etapa: Implementação da Classificação de Risco; 
3ª Etapa: Acompanhamento Presencial da Classificação de Risco; 
4ª Etapa: Capacitação Sistema Manchester de Classificação de Risco: Curso de Auditor Interno; 
5ª Etapa: Acompanhamento das Auditoria Internas; 
6ª Etapa: Auditoria Externa e Acreditação.
 
As etapas de acompanhamento presencial e auditoria externa são altamente recomendadas pelo GBCR. Para saber mais sobre o processo de implementação, cadastre-se e solicite a implementação!
 
Sou certificado(a) como classificador(a) e/ou auditor(a) interno(a) do Sistema Manchester de Classificação de Risco, como posso implementar este sistema na minha instituição?

A implementação do Sistema Manchester de Classificação de Risco é uma decisão institucional. Para garantia da qualidade e segurança do paciente e da  instituição além da reprodutibilidade do Sistema Manchester de Classificação de Risco, deve haver um programa de capacitação, acompanhamento contínuo dos profissionais e a realização de auditorias individuais e departamentais, internas e externas.

Para a implantação deve ser assinado um contrato entre o Grupo Brasileiro de Classificação de Risco e a instituição de saúde. A instituição deve respeitar as RECOMENDAÇÕES DE BOAS PRÁTICAS REFERENTE A ADESÃO PARA UTILIZAÇÃO DO  SISTEMA MANCHESTER DE CLASSIFICAÇÃO DE RISCO.

A implementação inicia com uma palestra sobre Gestão no Serviço de Urgência a partir da Classificação de Risco, onde é abordado o Sistema Manchester, qual sua finalidade e aplicabilidade, como se deve proceder para aplicá-lo, qual o impacto do uso do mesmo na instituição e os passos para continuidade do processo. No momento subsequente é realizado o curso de classificador, com a finalidade de certificar os médicos e enfermeiros da instituição.

Após o início da classificação de risco pelo Protocolo de Manchester o GBCR realizará um acompanhamento presencial para apoio à instituição.

O curso de auditoria visa certificar os profissionais classificadores que tem o perfil, para assumirem o papel de monitoramento do processo, que deve ser contínuo. Os profissionais médicos e enfermeiros terão no curso de auditor um aprofundamento sobre gestão de serviço de urgência e reorganização de fluxos, bem como sobre a metodologia do Sistema Manchester para auditoria considerando o monitoramento contínuo, a reavaliação das práticas e fluxos, o levantamento de inconformidades e as proposições de melhoria que se fizerem necessárias para garantir a qualidade do processo.

Quais são os profissionais que podem realizar a classificação de risco pelo Protocolo de Manchester?

Os profissionais aptos a aplicarem a metodologia do Sistema Manchester de Classificação de Risco são médicos e enfermeiros certificados como classificadores pelo Grupo Brasileiro de Classificação de Risco. A certificação de médicos e/ou enfermeiros como classificadores pode ser dar tanto na modalidade de curso presencial como na modalidade de ensino à distância. Para maiores informações acesse o home ou agenda no site.

Qual o custo da implementação do Sistema Manchester de Classificação de Risco?

O GBCR, detentor legal dos direitos no Brasil sobre o Sistema de Classificação de Risco – Protocolo Manchester, não tem fins lucrativos na divulgação e implementação do sistema. Existem, contudo, encargos financeiros que, segundo o contrato, são de responsabilidade de quem gera a despesa. São encargos e respectivas responsabilidades da contratante: - Transporte, hospedagem, diária para alimentação e pagamento dos tutores do GBCR para realizar as atividades solicitadas; - Aquisição do livro Sistema Manchester de Classificação de Risco: Classificação de Risco na Urgência e Emergência (Curso de Classificador) para cada aluno; - Aquisição de pelo menos um Manual de Serviço do Sistema Manchester de Classificação de Risco; - Disponibilizar área física, equipamentos multimídia e lanches para as aulas ou palestras.

 

Para mais informações envie um e-mail para comercial@gbcr.org.br




social_facebook_box_blue

Copyright © 2013 Grupo Brasileiro de Classificação de Risco. Todos os direitos reservados.

Av. Afonso Pena nº 3924 - 8º andar - Salas: 801/802 - Bairro Cruzeiro - Belo Horizonte

MG - Brasil - CEP: 30.130-009

Tel: +55 (31) 3568-0747

Like